Botequim ordinário, onde se vendia o café a dez reis cada xícara.

09
Ago 11

Paulo Portas na sua recente visita oficial a Angola, aproveitou para negociar as condições de venda do BPN ao BIC. Para tanto reuniu-se com Fernando Teles, presidente e Mira Amaral, presidente do BIC Portugal. A reunião de Paulo Portas com o BIC visava salvaguardar os interesses do Estado relativamente ao pagamento do crédito concedido pelo BPN em 2006 à Amorim Energia, propriedade do homem mais rico de Portugal, para a compra de uma participação na Galp. O Governo receia que aquele crédito, na ordem dos 1,6 mil milhões de euros seja pago ao BIC após este banco ter adquirido o BPN, o que não será absolutamente surpreendente. Neste país os poderosos conseguem fazer tudo, com a conivência, claro está, dos políticos.

 

David Pires

publicado por Café de Lepes às 00:55

Agosto 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

14
15
16
17
18
20

21

28


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

GERÊNCIA
Carlos Canas * David Pires * Julião Mora * Marco Almeida* Mário Aleixo * Tiago Paisana * Tomás Salavisa
blogs SAPO